Calendário de planejamento Folclore-BR (2018-2028)

Aqui não é Disney, mas também tem planejamento e especulação também! ^_^

CONTEMPLEM O CALENDÁRIO DE LANÇAMENTO DOS QUADRINHOS FOLCLORE-BR!

Resolvi revelar o meu plano ambicioso de dominação mundial de seguir uma longa jornada rumo ao desconhecido (também conhecido como “botar a cara e ver no que isso vai dar”).

Passei 2017 inteiro pensando em como levar minhas ideias para frente, seguir com os meus sonhos e me sustentar ao mesmo tempo e de certa forma falhei. Falhei por ter dificuldades em alinhar minhas ideias e encontrar um ponto onde eu pudesse me focar e apontar para onde eu realmente quero ir e continuar indo.

Esse ano passei por momentos e pessoas extremamente inspiradoras, o Folclore-BR evoluiu, saiu em jornal, viralizou, virou um evento virtual e foi maravilhoso. Tudo feito com muito amor e esforço e, antes que alguém pense, não mudou nenhum centavo a mais na minha vida financeira, mas me fez crescer e pensar mais objetivamente.

2018, uma nova jornada de criação

Muitos me perguntam quando esses meus projetos relacionados ao folclore vão virar filme, série, livros, quadrinhos… e sempre digo que é um projeto especial que precisa ter o seu tempo para que continue sendo realmente importante.

O planejamento é lançar histórias em quadrinhos com a ajuda do financiamento coletivo (coloquei o Catarse como exemplo) somente depois que já estiver estudando ele durante 1 ano, ou seja, ficarei este tempo numa espécie de pré-produção. Nesse período buscarei pesquisadores para conversar, escritoras para ajudarem a pensar em um roteiro legal, criar debates sobre esse universo, ler livros sobre o assunto, testar linguagens de desenho que podem se encaixar melhor e ir aprimorando o planejamento, tanto para o projeto quanto para a campanha de financiamento. Para alguns, 1 ano parece muito tempo, mas para projetos assim esses 365 dias passam como segundos (sem contar que terei que pagar minhas contas com outros trabalhos enquanto isso rsrs).

No final deste ano de “pré-produção” tentarei lançar a campanha de financiamento e ver o que acontece, se não vingar talvez tente mais uma alternativa similar no início do ano seguinte. Neste momento terei 2 cenários possíveis: 1- Projeto não financiado, continuo a seguir com os estudos e tentar outra forma de financiamento (o que causará mudanças no calendário). 2 – Projeto Financiado, sigo em frente com o planejamento para a produção.

Levando em conta que o projeto foi financiado, iniciarei a finalização do roteiro e produção das artes durante mais quase 1 ano simultâneo a pré-produção de outro e assim por diante.

O primeiro projeto será a “Mãe d’Ouro e a Salamanca do Jarau”

A princípio, os quadrinhos serão bem simples feitos em nanquim, coloridos digitalmente, com no máximo 60 páginas de história, direcionados a um público infanto-juvenil e roteirizado preferencialmente por mulheres negras (das quais estou em busca e aceitando indicações sempre). Essa escolha tem muita relação com o momento que estou vivendo hoje de estar pensando em como engajar projetos com negros como protagonistas.

Confira mais do conceito da Mãe d’Ouro em awvas.com.br/maedouro

**Todos os títulos são provisórios e muitas outras coisas ainda serão modificadas, então, considere tudo que está no Folclore BR como um “boato” rsrs.**

Então, agarrarei nesse planejamento e me esforçarei para que as coisas se encaminhem da melhor maneira possível e conto com o seu apoio para que essa loucura não seja em vão. Espero poder alcançar a expectativa de alguns com um trabalho bem feito e honesto.

Agradeço a todos que acompanham o meu trabalho e torcem por mim.

Até mais!

*Acompanhe os meus trabalhos pela fanpage do Folclore BR  no Facebook , pelo Instagram e inscreva-se no canal no YouTube!